sábado, agosto 23, 2008

Desejo-te Tempo

Photobucket

Desejo-te Tempo!
José Régio

Não te desejo um presente qualquer,
Desejo-te somente aquilo que a maioria não tem.
Desejo-te tempo, para te divertires e para sorrir;
Desejo-te tempo para que os obstáculos sejam sempre superados
E muitos sucessos comemorados.
Desejo-te tempo, para planear e realizar,
Não só para ti, mas também para os outros.
Desejo-te tempo, não para ter pressa e correr,
Desejo-te tempo para te encontrares,
Desejo-te tempo, não só para passar ou vê-lo no relógio,
Desejo-te tempo, para que fiques;
Tempo para te encantares e tempo para confiares em alguém.
Desejo-te tempo para tocares as estrelas,
E tempo para crescer e amadurecer.
Desejo-te tempo para aprender e acertar,
Tempo para recomeçar, se fracassares...
Desejo-te tempo também para poder voltar atrás e perdoar.
Desejo-te tempo, para ter novas esperanças e para amar.
Não faz mais sentido protelar.
Desejo-te tempo para ser feliz.
Para viver cada dia, cada hora como um presente.
Desejo-te tempo, tempo para a vida.
Desejo-te tempo. Tempo. Muito tempo!


A minha Amiga São enviou-me estas palavras, que neste dia são especiais. Há precisamente 60 anos nasceu uma bebé tão enfezada que a avó paterna disse que não se iria criar...Enganou-se.
O tempo tem dado para tudo.
E parafraseando o poema acima citado, de que não sei a autoria, desejo que o Tempo que me resta seja de qualidade.

6 comentários:

Isabel-F. disse...

Olá querida Luisa,

e ... eu desejo-te tudo o que a São te deseja neste belo poema ...

para ti, hoje, com o meu carinho e amizade, um beijinho muito especial.

PARABÉNS. que sejas muito feliz. HOJE e SEMPRE.

um xi coração meu

Madalena disse...

Querida Luh! Querida Luh! Querida Luh! Como a tua amiga São, a tua amiga Madalena também te deseja tempo, muito tempo a embrulhar as coisas boas que a vida também sabe dar: saúde, amor, amigos! tchin-tchin! À tua saúde! Aos teus sonhos! Beijinhos muitos!

Anónimo disse...

MUITOS PARABENS, MINHA QUERIDA AMIGA LUISA NESTE 23 DE AGOSTO.........60 ANINHOS, COISA TAO BELA E COMO ME SINTO ORGULHOSA DE PODER PARTILHAR CONTIGO ESTA BELA DATA, EMBORA NAO O POSSA FAZER PESSOALMENTE, MAS SABES BEM QUE ESTOU CONTIGO EM PENSAMENTO.
VENHA DE LA A FATIA DE BOLO E A TACA DE ESPUMANTE..........A TUA SAUDE, FELICIDADE E TUDO O QUE E BOM TE ACONTECA NA VIDA.
BEIJINHOS COM CARINHO MUITO ESPECIAIS DESTA TUA MUITO AMIGA DE CORACAO............
SAO DINIZ

IO disse...

Xiii, se não fosse a Mad', eu este ano pecava não por atraso, mas por me esquecer da festa da luh...

TODO O TEMPO DA VIDA que ainda te falta VIVER e muitos PARABÉNS, luh!!

beijo em festa e contigo,
IO

Anónimo disse...

Lamento que o nome do poeta José Régio, autor deste poema, não tenha sido preservado por quem fez esta publicação.

Luisa Hingá disse...

Só agora fiquei a saber a autoria deste poema, que me foi enviado por uma amiga no ano de 2008.
Lamento não se ter identificado, mas agradeço o seu comentário.
Cumprimentos